top of page

[ CASTRO EXTENSION ]

logo-ods-aberto-e1562085500819.png
METODOLOGIA EM ESTRATEGIA PROJETUAIS EM TERRITORIOS ARQUEOLOGICOS_page-0001.jpg
METODOLOGIA EM ESTRATEGIA PROJETUAIS EM TERRITORIOS ARQUEOLOGICOS_COMPLET)_17_12_2023_ESPA

Estratégias projetuais para formulação de escenários temporais, método aplicado em territórios arqueológicos na América Latina

Apresentação:
A pesquisa se coloca como possibilidade as zonas arqueológicas, suas relações espaciais e territoriais, suas influências na macro e micro geografia, sendo induzida a uma melhoria a partir da sua monumentalidade histórica e os impactos nas áreas lindeiras, possibilitando que sejam fomentadas estratégias que promovam os “Objetivos de Desenvolvimento Sustentável”. Propiciando novas características nos processos de abordagem territorial, por meio do surgimento de novos modelos de espaços e infraestruturas.
A escolha da temática em questão se baseia na importância histórica e na influência dos territórios arqueológicos na América Latina, os impactos geográficos e a sua relação entre áreas costeiras, povoamentos, assentamentos humanos e vilarejos os quais carecem de interconexões, apesar de caracterizados como polos históricos, não apresentam desenvolvimento econômico, social e são assolados por diversas problemáticas presentes ao longo do século XX.
O modelo permite a ampliação das capacidades de abordagem e formação profissional, compreensão espacial e leituras morfológicas de zonas arqueológicas através do planejamento estratégico, como potenciais para o desenvolvimento de apropriações humanas qualificadas em seus entornos imediatos e a formulação de indicadores territoriais 
presentes nos setores históricos. O recorte se estabelece em áreas cuja relação arqueológica e geográfica, apresenta qualidades espaciais quanto aos denominados espaços construídos que se relacionam na atualidade em áreas potenciais para desenvolvimento regional.
A pesquisa tem como objetivo aplicar estratégias que possibilitem desenvolver cenários projetuais futuros de desenvolvimento territorial, cujos estudos possibilitam abordagens espaciais e urbanas dos territórios arqueológicos na América Latina. Promovendo e fomentando redes articuladas entre características territoriais presentes nos limites dos territórios arqueológicos, junto a geografias, a novas formas de apropriação urbana e suporte no macro e microterritório por meio da aplicação de ferramentas metodológicas apoiadas na reestruturação espacial. Ampliando a capacidade nas zonas de borda por meio de estratégias que fomentem a melhoria territorial, formulando cenários prospectivos e temporais de desenvolvimento local.

LOGO LAB.png
BRASIL_Universidade Presbiteriana Macken
bottom of page